sábado, 28 de setembro de 2013

Diocese de Petrolina: Comunicado da Coordenação Diocesana de Catequese

A Diocese de Petrolina/PE, com a graça de Deus, sob o olhar materno de Nossa Senhora Rainha dos Anjos que nos conduz a Jesus Cristo, Senhor de nossas vidas pela Ação do Espírito Santo,  conduzida pelo nosso querido bispo diocesano, Dom Manoel dos Reis, primeiro Catequista, está concluindo a 2ª Etapa da Formação Permanente dos Catequistas: Disciplina de Liturgia, ministrada pelo Instituto de Teologia da Diocese de Petrolina – ITDP, Assessoria e Coordenação Diocesana, tendo em vista a Instituição do Ministério do Catequista na Celebração Eucarística do dia 23 de Novembro de 2013 na Igreja Catedral de Petrolina.
ZéCA – Coordenação Diocesana de Catequese
 

    

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

O Céu e a Terra




Sex, 27 de Setembro de 2013 09:38 por: cnbb

Dom Alberto Taveira Corrêa
Arcebispo Metropolitano de Belém

A Palavra de Deus reúne o povo que lhe pertence, convocando-o à comunhão com o próprio Senhor, para ser um sinal de um mundo diferente, possível para todos os homens e mulheres, pela ação da graça. Jesus, Filho de Deus verdadeiro, veio ao mundo e trouxe a "cultura do Céu", oferecendo-a com generosidade. "De rico que era, tornou-se pobre por amor, para que nos enriquecer com sua pobreza" (2 Cor 8,9). Nele e com ele se encontra o chamado e a graça a restaurar todas as coisas. Em Jesus Cristo, Deus "nos fez conhecer o mistério de sua vontade, segundo o desígnio benevolente que formou desde sempre em Cristo, para realizá-lo na plenitude dos tempos: recapitular tudo em Cristo, tudo o que existe no céu e na terra" (Ef 1,9-10). Esta terra não é um restolho a ser desprezado, mas campo de prova e de missão, entregue a todos os filhos amados de Deus. A nós cabe a resposta a este plano de amor!

Homilia do 26º. Domingo do tempo Comum – Ano C



Quarta-feira, 25 de setembro de 2013

As leituras deste domingo continua nos falando sobre o uso dos bens. Temas como a avareza, a cobiça e o apego aos bens são muito próprios no Evangelho de Lucas. O profeta Amós, profeta da justiça social, alerta que, na sociedade, há um grupo que esbanja e, certamente, outro que passa necessidades.

A parábola contata por Jesus relata a inversão dos valores na eternidade: os ricos nada terão e o Reino será dos pobres. Há um grande abismo entre o egoísta e o pobre: ninguém pode se aproximar de quem só pensa em si mesmo, por isso, ele se isola, fica solitário no mundo escolhido por ele mesmo. O inferno é um mundo de isolamento: há um abismo, diz-nos Jesus.
O evangelho deste domingo não deve ser uma condenação dos ricos e nem a salvação incondicional do pobre. O que salvou Lázaro não foi somente a falta de bens, mas a sua humildade. Também o que condenou o rico não foi a posse dos os seus bens em si mesmos, mas o mau uso deles: o esbanjamento, o acúmulo e o egoísmo.

CF 2014: Fraternidade e Tráfico Humano



Sex, 27 de Setembro de 2013 10:45 / Atualizado - Sex, 27 de Setembro de 2013 17:12 por: cnbb

Os subsídios da Campanha da Fraternidade 2014 já estão disponíveis nas Edições CNBB. São diversos materiais como o manual, texto base, via sacra, celebrações ecumênicas, folhetos quaresmais, CD e DVD, banner, cartaz, entre outros. Com o objetivo de trabalhar os conteúdos da campanha nas escolas, foram produzidos também subsídios de formação voltados aos jovens do ensino fundamental e médio, além de encontros catequéticos para crianças e adolescentes.

O cartaz da CF 2014, que se encontra disponível para download, traz o tema “Fraternidade e Tráfico Humano” e lema “É para a liberdade que Cristo nos libertou” (Gl 5, 1). Os demais produtos podem ser adquiridos no site: www.edicoescnbb.org.br ou pelo telefone: (61) 2193.3001.

Entenda o significado do cartaz:

Mensagem da Comissão para a Juventude



Sex, 27 de Setembro de 2013 13:24 / Atualizado - Sex, 27 de Setembro de 2013 13:37 por: cnbb


O presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude da CNBB, dom Eduardo Pinheiro da Silva, enviou carta aos padres e responsáveis pela evangelização da juventude no Brasil. No texto, o bispo deseja que o Dia Nacional da Juventude (DNJ), a ser celebrado no final deste mês missionário, atinja o maior número possível de adolescentes e jovens.
Confira o texto na íntegra:

Caros párocos e demais responsáveis pela evangelização da juventude no Brasil.
“Educá-los na missão, a sair, a pôr-se em marcha, a estar sempre nas ruas pela fé. Assim fez Jesus com seus discípulos: não os manteve apegados a Ele como a galinha aos pintinhos; os enviou. [...] Empurremos os jovens para que saiam.”
(Francisco, 27/07/2013)
Chegou, mais uma vez, o “Mês Missionário”. Já é tradição dedicarmos este mês à reflexão sobre esta

Papa Francisco: O cristão morda sua língua antes de difamar



Qua, 25 de Setembro de 2013 09:25 por: CNBB / Rádio Vaticano


Mais de 80 mil fiéis lotaram a Praça São Pedro na manhã desta quarta-feira, 25 de setembro, para a Audiência Geral com o Papa Francisco. Em sua catequese, o Pontífice falou da Igreja “una”, como confessamos no Credo. “Se olharmos para a Igreja Católica no mundo descobrimos que ela compreende quase 3.000 dioceses espalhadas em todos os continentes. Mesmo assim, milhares de comunidades católicas formam uma unidade – unidade na fé, na esperança, na caridade, nos Sacramentos e no Ministério”.

O Santo Padre ensinou que onde quer que esteja, “mesmo na menor paróquia no ângulo mais remoto desta Terra, há uma única Igreja; nós estamos em casa, somos uma família, estamos entre irmãos e irmãs. E este é um grande dom de Deus! A Igreja é uma só para todos. Não há uma Igreja para os europeus, uma para os africanos, uma para os americanos, uma para os asiáticos, uma para quem vive na Oceania, mas é a mesma em todos os lugares.”
Como exemplo dessa unidade, o Papa então citou a Jornada Mundial da Juventude no Rio de Janeiro

100º Dia Mundial do Migrante e Refugiado



Ter, 24 de Setembro de 2013 11:49 / Atualizado - Ter, 24 de Setembro de 2013 12:00 por: cnbb

A primeira mensagem do papa Francisco para o Dia Mundial do Migrante e Refugiado, a ser celebrado em 19 de janeiro de 2014, intitula-se: “Migrantes e refugiados: rumo a um mundo melhor”. Em 2014, o Dia Mundial do Migrante e Refugiado celebrará sua centésima edição. A data foi criada pelo papa Pio X, em 1914. O foi texto apresentado hoje, 24, pelo presidente do Pontifício Conselho da Pastoral para os Migrantes e Itinerantes, cardeal Antônio Maria Vegliò. 
Segue, na íntegra, a 100ª Mensagem para o Dia Mundial do Migrante e Refugiado. 

MENSAGEM DO SANTO PADRE FRANCISCO
PARA O DIA MUNDIAL DO MIGRANTE E DO REFUGIADO (2014)
“Migrantes e refugiados: rumo a um mundo melhor”
Queridos irmãos e irmãs!
As nossas sociedades estão enfrentando, como nunca antes na história, processos de interdependência mútua e interação em um nível global, que, mesmo incluindo elementos problemáticos ou negativos, se destinam a melhorar as condições de vida da família humana, não só nos aspectos econômicos, mas também nos aspectos políticos e culturais. Cada pessoa, afinal, pertence à humanidade e partilha a esperança de um futuro melhor com toda a família dos povos. A partir dessa constatação, nasce o tema que escolhi para o Dia Mundial dos Migrantes e Refugiados deste ano: “Os migrantes e refugiados: rumo a um mundo melhor”.

segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Paróquia São Paulo Apóstolo: 45 Anos de Missão e Evangelização, parabens!




A Paróquia São Paulo Apóstolo – Diocese de Petrolina/PE está vivenciando os seus 45 Anos de Missão e Evangelização nesse Mês de Setembro, dedicado à Bíblia, Palavra de Deus e Aniversário Paroquial, realizando Encontros Bíblicos nas Ruas e os Sacramentos da Iniciação Cristã e o Sacramento do Serviço e da Missão: Matrimônio.

Edições CNBB apresentam Novena de Natal 2013




Seg, 16 de Setembro de 2013 08:42 / Atualizado - Seg, 16 de Setembro de 2013 13:30 por: cnbb


As novenas fazem parte do patrimônio da religiosidade popular. Trata-se de um costume realizado pelas comunidades na preparação de importantes momentos celebrativos, como o Natal. “A novena de Natal, a montagem do presépio, a participação na doação às crianças pobres, são um modo de entrar em preparação para a vinda do Senhor”, explica do secretário geral da CNBB, dom Leonardo Steiner.
Para colaborar com a preparação das comunidades, as Edições CNBB oferecem um roteiro de novena de Natal para ser refletido pelas comunidades durante o período do Advento. A edição deste ano de 2013 apresenta personagens importantes da História da Salvação, com o tema Reunidos em família, preparando a vinda do Senhor. 

Uma Igreja sensível aos problemas humanos




Fomos convidados a viver o chamado Ano da Fé, como forma de rememorar as orientações do Concílio Vaticano II (1952-1965), que nos convida a ser Igreja de modo a atender às necessidades da realidade de hoje. Muitos sentem que as comunidades católicas ainda não conhecem suficientemente o que foi proposto pelo Concílio há cinqüenta anos. A catequese pode ajudar a sanar essa deficiência, lembrando constantemente frases que iluminam o caminho que o Concílio nos quis mostrar. Se, a cada encontro catequético, se destacasse uma citação de documentos importantes desse evento, poderíamos ir criando inclusive uma curiosidade que capaz de levar os catequizandos adultos a buscar um conhecimento pessoal maior daquilo que a Igreja quis nos comunicar nesses cinqüenta anos.

Deus está irritado



Seg, 16 de Setembro de 2013 09:38 por: cnbb
Dom Anuar Battisti 
Arcebispo de Maringá

“Fazei morrer em vós o que pertence à terra: imoralidade, impureza, paixão, maus desejos e cobiça, que é idolatria. Tais coisas provocam a ira de Deus... Agora, porém, abandonai tudo isso: ira, irritação, maldade, blasfêmia, palavra indecentes, que saem dos vossos lábios. Não mintais uns aos outros (Cl 3,1-11).
Deus está descontente porque vivemos somente para a terra, para as coisas ocupam o lugar privilegiado dos nossos corações, e Deus fica à margem de tudo. É mais importante o trabalho, as ideologias, as doutrinas fundamentalistas, as interpretações pessoais da vida presente e futura, os maus desejos que é idolatria.

Papa nomeia cardeal Cláudio como seu representante em celebração no Paraguai



Seg, 16 de Setembro de 2013 09:26 / Atualizado - Seg, 16 de Setembro de 2013 13:33 por: CNBB / Rádio Vaticano


O Santo Padre nomeou o prefeito emérito da Congregação para o Clero,  cardeal brasileiro Cláudio Hummes, como seu enviado especial às celebrações conclusivas do 25º aniversário da canonização de São Roque González de Santa Cruz e dos Companheiros mártires, que serão realizadas em Assunção, no Paraguai, em 15 de novembro de 2013.

São Roque e seus companheiros foram alguns dos primeiros mártires sul-americanos. Foram assassinados pelos índios em 1628 e canonizados pelo papa João Paulo II. Roque González nasceu em Assunção, Paraguai, em 1576.

domingo, 15 de setembro de 2013

Bíblia: um livro a ser lido e colocado em prática




Qui, 12 de Setembro de 2013 14:16 por: cnbb

Dom Canísio Klaus
Bispo da diocese de Santa Cruz do Sul (RS)

Ciente de que a Bíblia é pouco valorizada pelos fiéis católicos, a CNBB, desde 1971 adota o mês de setembro como o “Mês da Bíblia”. A proposta é a de aproveitar o mês para incentivar os fiéis a adquirirem a sua Bíblia e organizar círculos de estudos bíblicos.
Em novembro de 1965, no final do Concílio Ecumênico Vaticano II, Paulo VI promulgou a Constituição Dogmática Dei Verbum. Nela se afirma que “toda pregação eclesiástica, como a própria religião cristã, deve ser alimentada e regida pela Sagrada Escritura”, que constitui “alimento da alma e perene fonte de vida espiritual” (n. 21).

Amor à vida ou à mentira?




Sex, 13 de Setembro de 2013 08:25 por: cnbb

Dom Redovino Rizzardo
Bispo de Dourados

No dia 1º de julho, o corpo do menino Brayan Capcha, de 5 anos, foi levado para a Bolívia, onde havia nascido. Ele tinha sido assassinado com um tiro na cabeça alguns dias antes, em São Paulo, depois de entregar ao criminoso os últimos centavos que carregava consigo. Entre lágrimas, pediu-lhe que não matasse a mãe e o deixasse viver. Mas o assaltante não tolerou o seu choro e lhe desferiu um tiro na cabeça.

Papa envia carta em resposta ao jornal La Reppublica




Qui, 12 de Setembro de 2013 13:25 / Atualizado - Qui, 12 de Setembro de 2013 13:32 por: cnbb

Segue, na íntegra, a carta do papa Francisco, publicada no jornal La Reppublica, no dia 11 de setembro, em resposta a dois editoriais (7 de julho e 7 de agosto) do jornalista fundador do jornal italiano, Eugenio Scalfari, sobre questões relacionadas à fé e à vida cristã, tendo como referência a Encíclica Lumen Fidei .

Carta do papa Francisco em resposta ao jornal La Reppublica

Vaticano, 4 de setembro de 2013

Caríssimo Dr. Scalfari, é com viva cordialidade que, ainda que em linhas gerais, gostaria de responder, com esta minha carta, à que o Sr., pelas páginas [do jornal] República, escreveu-me, dia 07 de julho, com uma série de reflexões pessoais, que posteriormente aprofundou, no mesmo jornal, dia 07 de agosto.

Agradeço-lhe, antes de tudo, pela atenção com a qual leu a Encíclica Lumen fidei. Ela,

sábado, 7 de setembro de 2013

Setembro: Mês da Bíblia 2013



O Evangelho de Lucas está sendo estudado nos Encontros Bíblicos promovidos pelo CEBI Petrolina com apoio da Paróquia São Paulo Apóstolo na Diocese de Petrolina-PE. As atividades do Grupo com mais de 20 integrantes, está caminhando ao lado das Pastorais, Grupos e Movimentos da Paróquia, desde o dia 02 de Setembro. 

Paz na Síria





Qua, 04 de Setembro de 2013 15:15 / Atualizado - Qua, 04 de Setembro de 2013 15:22 por: cnbb

Dom Fernando Arêas Rifan - Bispo da Administração Apostólica Pessoal São João Maria Vianney

Por ocasião da oração do “Angelus” deste domingo, dia 1º de setembro, o Papa Francisco fez um urgente apelo pela paz no Oriente Médio: “Hoje, queridos irmãos e irmãs, queria fazer-me intérprete do grito que se eleva, com crescente angústia, em todos os cantos da terra, em todos os povos, em cada coração, na única grande família que é a humanidade: o grito da paz! É um grito que diz com força: queremos um mundo de paz, queremos ser homens e mulheres de paz, queremos que nesta nossa sociedade, dilacerada por divisões e conflitos, possa irromper a paz! Nunca mais a guerra! Nunca mais a guerra! A paz é um dom demasiado precioso, que deve ser promovido e tutelado”.
O apelo angustioso do Papa refere-se sobretudo à situação da Síria e à perspectiva de sua invasão: “Vivo com particular sofrimento e com preocupação

Paz: jejum e oração



Sáb, 07 de Setembro de 2013 10:40 / Atualizado - Sáb, 07 de Setembro de 2013 10:52 por: cnbb


Neste dia 7 de setembro, por ocasião da Vigília de Oração pela Paz, o secretário geral da CNBB, dom Leonardo Steiner, envia mensagem às comunidades. "Estamos em jejum e em oração na busca da paz", diz o bispo. O texto explica o sentido do jejum e da oração realizados pela Igreja neste dia. A seguir, a íntegra do texto.
Paz: jejum e oração
Estamos em jejum e em oração na busca da paz. Paz especialmente na Síria, no Oriente Médio. O pedido de Santo Padre Francisco para que hoje seja um dia de jejum e oração, nos desperta para a responsabilidade da convivência humana mundial. Os conflitos geram

Vigília pela Paz na Síria: adesão da Igreja no Brasil



Sáb, 07 de Setembro de 2013 09:43 / Atualizado - Sáb, 07 de Setembro de 2013 10:43 por: cnbb


O convite feito pelo Papa Francisco para Dia de Oração e Jejum pela paz na Síria, neste dia 7 de setembro, obteve adesão da Igreja no Brasil. “Em todas as paróquias, as dioceses, nós estamos insistindo para que os nossos irmãos e irmãs realmente participem deste momento, atendam este apelo do Santo Padre, porque não é possível nós somente tentarmos resolver os problemas através da força”, afirmou o secretário geral da CNBB, dom Leonardo Steiner.

Assembleia da 5ª SSB concluída com apresentação de carta compromisso



Qui, 05 de Setembro de 2013 16:30 / Atualizado - Qui, 05 de Setembro de 2013 18:39 por: cnbb

Após um processo iniciado em 2011, com a participação das diversas comunidades de norte a sul do país, foi concluída hoje, 5 de setembro, em Brasília (DF) a Assembleia da 5ª Semana Social Brasileira (SSB). O evento, iniciado na última segunda-feira, reuniu cerca de 250 pessoas, delegados dos Regionais da CNBB, das pastorais e movimentos sociais. Após o debate do tema “Estado para quê e para quem?”, os participantes reafirmaram, em carta compromisso, o desejo de refundação de um Estado, com as marcas da inclusão e da igualdade social.
“Este foi um processo que contribui muito com a construção do Estado que a nação brasileira espera. Nós entendemos a necessidade da existência do Estado, mas criticamos o que está aí. E entendemos que a participação popular é fundamental para a construção desse Estado do Bem Viver”, explica dom Guilherme Werlang, presidente da Comissão Episcopal Pastoral para o Serviço da Caridade, da Justiça e da Paz da CNBB.

Papa Francisco: A paz é um bem



Qui, 05 de Setembro de 2013 11:17 / Atualizado - Qui, 05 de Setembro de 2013 11:37 por: cnbb

“Sem paz não há nenhum tipo de desenvolvimento econômico”, afirmou o papa Francisco em uma mensagem enviada ao presidente da Federação Russa, Vladmiri Putin, que nestes dias, em São Petersburgo, preside a reunião do G-20, grupo de países das economias mais emergentes do mundo. O papa chamou a atenção para os conflitos armados. “Um quadro dramático de miséria, fome, enfermidade e morte”, explicou.